A Utopia dos Realistas. Sobre A Sociedade dos Sonhadores Involuntários, de José Eduardo Agualusa

  • Sérgio Guimarães de Sousa Universidade do Minho

Resumo

N’A Sociedade dos Sonhadores Involuntários, o escritor angolano José Eduardo Agualusa enfatiza o poder do sonho como força transformadora da realidade. Com efeito, sob pano de fundo de um regime ditatorial, Agualusa constrói uma fábula satírico cujo principal alvo é a situação política angolana. Recorrendo a um pressuposto lacaniano segundo o qual a verdade estrutura-se ficcionalmente, procuraremos ver de que modo ficção e realidade se contaminam no romance.

Publicado
2019-07-01
Como Citar
GUIMARÃES DE SOUSA, Sérgio. A Utopia dos Realistas. Sobre A Sociedade dos Sonhadores Involuntários, de José Eduardo Agualusa. VEREDAS - Revista Interdisciplinar de Humanidades, [S.l.], v. 2, n. 3, p. 01-16, jul. 2019. ISSN 2595-3508. Disponível em: <http://revista.unisa.br/index.php/1/article/view/80>. Acesso em: 25 ago. 2019.